Assinatura RSS

Olhos de Ressaca

Publicado em

“Tinha-me lembrado a definição que José Dias dera deles, “olhos de cigana oblíqua e dissimulada.” Eu não sabia o que era obliqua, mas dissimulada sabia, e queria ver se podiam chamar assim.”

E tudo o que eu amo é arriscado, eu sabia desde o início com quem estava me metendo. Com quem estava falando e por quem estava improvavelmente apaixonado. Em meios de chamados sem respostas e tentativas falhas, o desinteresse por quem se interessa ficava visível aos olhos e ouvidos de quem sente saudade. Mesmo tendo tudo para desacreditar, todos os motivos para ser um cafajeste e nunca mais abrir a boca. Centenas de milhares de vozes rodiando-me e… preferi ser um banana, uma criança banana..

Todas as coisas que odeio não faziam sentido quando estava perto de você, e hoje sabe disso. Olhava quase que imperceptivelmente à Lua no céu nublado e conseguia ver seus olhos, seu rosto, seu cabelo e talvez até seus pensamentos. Sabia que antes de dizer não mais uma vez, seria diferente. Ia tentar, mas não conseguir. Portanto, fui forçado a forçar, criar uma coragem inevitável, instantânea, necessária.

E bem, e o resto? Tudo vira bosta no final, e ninguém mais que nós sabe que isso só é verdade quando não há mais o que dizer. Felizmente, ainda temos muito com o que bater de frente, não é mesmo? Pode ser por livros, filmes, anything!

Em meio de palavras, cinemas, música, livros, realidade, paixão, descobri alguém que é tão parecida e tão diferente a ponto de me espantar. Quem sabe? Por que gostar de Dom Casmurro? Eu não faço a menor ideia. Só vou gostar dessa ilustríssima obra literária no dia que sentarmos juntos e comermos o bom e velho Ovo Frito.

” A terra lhes seja leve! Vamos à História dos Subúrbios.”
Como prometido, tentei até o fim e não me arrependo de um momento ao seu lado. Não estou triste e não sei se isso é bom ou ruim. Que seja, estou indo para casa mais uma vez, mas não vai ser por isso que vou parar de pegar no seu pé. há! :D

The taste of you inside my mouth remains…

Bullet for my Valentine – The End.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: