Assinatura RSS

No more enxaquecas.


Lembro que há algum tempo vinha tendo dores-de-cabeça constantes, aquela famosa enxaqueca. Toda vez que eu decidia refletir sobre minha situação atual, aquela rajada produzida pelos neurônios raciocinando atingia minha testa com uma dor incrivelmente incomodante.

De uns tempos para cá, não sinto mais nada. Foi quando parei de me preocupar quanto a isso. Foi quando parei de me flagelar por algo que não servia de justificativa. Só que tudo tem seu preço, não é? Várias pessoas se aproximam e perguntam se eu mudei o cabelo, comentam que minha voz está diferente, falam que meu rosto não é mais o mesmo. E talvez não seja mesmo. Quem sabe um rosto de experiência? Ou só a puberdade mesmo.

As perturbações ainda continuam, lógico, não há fim para elas e à ninguém que nelas permaneça. Mas, a partir do momento que o arrependimento deixa de existir e a ficha cai por completo, percebe-se que não vale a pena ficar se torturando por algo que não depende de você mesmo.

E como estou bem melhor que antes, ainda não me garanto nas noites de sono, mas o dia, pelo menos, passa muito bem; sem grandes complicações, e com meu astral durando mais tempo. Está ótimo assim.

O sono faz bem para a alma, à cabeça e e aos pensamentos. Limpa a mente clareando cada nuvem de ideias; todo dia, toda noite: eu penso. E, no final, vejo que não vale mesmo este preço… Me diga uma coisa: você acha certo só eu ficar imaginando? Só eu ter todo o trabalho?

É desgastante, e muito desmotivador.
Sem falar que minha paciência, por maior que seja, não vai durar para sempre.

Enlighten me – Masterplan.

Please, wake up.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: